Domingo, 30 de Março de 2008

ALARME

Cada vez que se agridem ou destroem valores culturais não se progride.

Agrava-se o subdesenvolvimento.

Arquitecto Gonçalo Ribeiro Telles

SIC – 3 de Outubro de 1994

 

Lotear a Quinta do Bispo não ajuda o progresso da cidade.

Muito ao contrário. Porque fazendo-o se enterra história e se suprime uma zona verde importante e vital para a imagem de Elvas como é desejável e salutar que no possível se conserve com mais árvores e menos cimento.

Se “este milagre” de alterar o plano que salvaguardava estes bens foi conseguido pelo Sr. Arq. Paulo Barral a minha piedade para ele pela forma como gere a sua inteligência não olhando ao mal irremediável que semeia; e os meus pêsames à Câmara pelo luto que lança sobre Elvas sem que se perceba com que fins.

 

Palavras de Maria José Rijo subscritas integralmente por esta redacção.

 

N.B. recorde-se que o secular Plátano ali existente foi declarado de interesse público por despacho de Diário da República nº 7 II série de 9-I-975 nos termos do artigo único nº 1 do decreto-lei nº 28468 de 15-2-938 Diário do Governo nº 37 Iª Série.

 

Jornal Linhas de Elvas

Nº 2.268

7 de Outubro de 1994

sinto-me:
música: A Quinta do Bispo 2
publicado por Maria José Rijo às 21:48
| comentar
2 comentários:
De Xavier Martins a 31 de Março de 2008 às 19:50
Muito interessante este assunto da Quinta do
Bispo.
Já tinha ouvido falar neste assunto - por causa
do grande António Sardinha. Um grande Homem,
que apesar de não ter nascido na cidade de Elvas,
muito a amou.

Estou interessado neste desenvolvimento.
Parabéns pelo assunto que trouxe para este
blog, tão já interessante.

Os meus Parabéns

Xavier Martins
De Maria José a 31 de Março de 2008 às 21:53
Obrigada pela sua visita.
Obrigada por - também -achar que vale a pena documentar as tristes razões porque vamos ficando cada vez mais pobres.
Obrigada de coração
Maria josé Rijo

Comentar post

.Quem sou

.pesquisar

 

.Junho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Agora diz-se

. Aniversário do Coral Públ...

. Um testemunho

. Conservação e Restauro do...

. As lembranças do Forte da...

. PROGRAMA-Cultura/Turismo ...

. PROGRAMA -Cultura/Turismo...

. PROGRAMA -Cultura/Turismo...

. PROGRAMA -Cultura/Turismo...

. PROGRAMA -Cultura/Turismo...

. PROGRAMA -Cultura/Turismo...

. PROGRAMA -Cultura/Turismo...

. PROGRAMA -Cultura/Turismo...

. PROGRAMA -Cultura/Turismo...

. PROGRAMA -Cultura/Turismo...

. PROGRAMA -Cultura/Turismo...

.Ficou Escrito...

. Junho 2017

. Maio 2016

. Março 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2010

. Junho 2010

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.tags

. todas as tags

.favoritos

. Dia de Anos

. Então como é ?!

. Em nome de quem se cala.....

. Amarga Lucidez

. Com água no bico

. Elvas com alguma rima e ....

. 28 de Fevereiro...

. Obras do Cadete

. REGRESSO

. Feição de nobreza

.Por onde me levo

.Contador - Julho-2007

.Ficou Escrito:

Câmara de 1986 - 1989 @@@@@@@@@@@@@@
@@@@@@@@@@@@@@

.Excertos de artigos

Considero que é urgente e necessário provar aos nossos jovens que o dinheiro não compra consciências e é de nossa obrigação dar-lhes alternativas à droga e ao vício, mostrando-lhes que se pode lutar por ideais - dessinteressadamente - e que, só assim procedendo teremos moral para apontar caminhos e fazer exigências - do que dermos exemplo... - Maria José Rijo @@@@@@@@@@ Os elvenses de agora são dessa mesma grata e honrada gente - que a qualidade de assim o ser é deles a melhor herança. ... - Maria José Rijo
blogs SAPO